Trissomia 21: Três décadas a Fazer a Diferença

O Mongolismo, mais tarde conhecido por síndrome de Down, foi descrito, pela primeira vez, na Grã-Bretanha, no séc. XIX, pelo médico inglês John Langdon Down (Londres, 1866), com base nalgumas características observadas em crianças internadas num asilo de Surrey (Inglaterra). Na segunda metade do séc. XX, J. Lejeune e colaboradores (Paris, 1959) descobrem que o Mongolismo resulta da presença de 1 cromossoma 21 supranumerário (3 cromossomas, em vez dos 2 habituais), pelo que esta doença genética passou a designar-se, corretamente, por trissomia 21 (literalmente: três cromossomas 21).

Revista – Descubra as Diferenças Nº43 – Já Disponível!

 

É com enorme prazer que lançamos mais uma edição da nossa revista electrónica mensal “Descubra as Diferenças”.

Para ter acesso clique AQUI.

Boa leitura e divulgue, por favor, pelos seus contactos.

O que é o “ValueAble E-learning”

Curiosos para ver o nosso curso online?
É gratuito e cheio de informação sobre inclusão de pessoas com perturbações do desenvolvimento intelectual (PDI) no mercado de trabalho.
É gerente no ramo da hotelaria e/ou restauração?
Clique no link e dê uma vista de olhos!
http://www.valueablenetwork.eu/pt/valueable-e-learning

Doe, sem encargos, 0,5% do seu IRS… Um pequeno gesto que fará a DIFERENÇA!

image001

A sustentabilidade da nossa instituição e a dinamização de novos projectos poderá depender do seguinte gesto:
Ao preencher o IRS, escreva o número de identificação fiscal da Associação Portuguesa de Portadores de Trissomia 21 (502 465 298) no campo 1101 do modelo 3.