Concerto Solidário Pelas Gerações Autónomas

É já no próximo dia 17 de Maio que acontece, no Estoril, o 1º Concerto Solidário pelas Gerações Autónomas. O objetivo é angariar fundos para o lançamento do primeiro “CafécomVida”, um projeto-piloto, pioneiro em Portugal, para a formação 360º de jovens com perturbação ligeira do desenvolvimento intelectual, criando condições para um emprego com futuro e para que um dia estes jovens possam ter a sua própria casa.

O espetáculo terá lugar no auditório Sra. Boa Nova Galiza, Estoril, pelas 21h30, e o preço do bilhete (15€) reverte inteiramente a favor da criação do primeiro CafécomVida em território nacional.

Toze Brito e Miguel Ângelo são os cabeças de cartaz deste espetáculo aos quais se juntam os jovens artistas Pedro Vaz, Peu Madureira, Martim Simões de Almeida, Mimi Froes, Jaime Santiago, Isabel Novella e Carolina Leite num evento apresentado por Laurinda Alves. Nesta noite será ainda experienciada a primeira réplica do CafécomVida, onde alguns jovens com necessidades educativas especiais farão o atendimento de balcão.

O concerto solidário pelas Gerações Autónomas é uma iniciativa que nasce da parceria entre quatro associações sem fins lucrativos que trabalham pela vida autónoma de pessoas com défice cognitivo ligeiro, dando um enfoque particular aos jovens – cerca de 3000 todos os anos, apenas no distrito de Lisboa – que terminam o seu percurso escolar sem perspetivas de futuro.

“A institucionalização não é uma solução considerada por muitos pais destes jovens com défice cognitivo ligeiro, uma vez terminado o seu percurso escolar. A solução encontrada é, na grande maioria das vezes, ficar em casa dos pais, frequentando, em períodos alternados de dois anos, cursos financiados pelo Estado. Esta lógica de pura “ocupação” origina, muitas vezes, e na opinião de especialistas, depressões, desemprego e um consequente desequilíbrio familiar”, refere Filipa Pinto Coelho, empreendedora social e presidente da direção da Associação VilacomVida. “Queremos, por isso, encontrar uma resposta que invista nas capacidades destes jovens para o emprego e consequente vida autónoma, ao invés de despender recursos do Estado numa lógica ocupacional. O CafécomVida surge em linha com as melhores práticas europeias de inclusão social, como o recentemente inaugurado Café Joyeux francês, ou o Café Domenica britânico, e tem a ambição de alterar mentalidades e desmistificar preconceitos face à diferença, proporcionando a todos nós um contacto recorrente com estas gerações autónomas de jovens cheios de potencial. É para eles que organizamos este concerto”, diz Filipa Pinto Coelho.

BIPP/Semear, APPT21, DéJa Lu e o Centro de Desenvolvimento Infantil Diferenças juntam-se, assim, à Associação VilacomVida para trabalharem em conjunto o projeto de vida autónoma destes jovens.

Os bilhetes estão à venda na Ticketline e para quem não tiver oportunidade de assistir ao concerto, ou quiser reforçar a sua contribuição, pode fazer um donativo a partir desta plataforma.

Para informações adicionais, é favor contactar:

Odete Pera
E-mail: Odete.pera@netcabo.pt
Tel: 926 055 745

Filipa Pinto Coelho
E-mail: fpintocoelho@vilacomvida.pt
Tel: 961 559 196

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *